Rua Felipe Schmidt, 105 - Bairro São Luiz - Brusque/SC
Telefone: (47) 3354-3021
WhatsApp: (47) 99936-5018

Tratamentos

Clareamento Dental

O clareamento dos dentes é o processo que clareia dentes, ajuda a remover manchas e corrige a descoloração dos dentes.

Embora nossos dentes não sejam, por natureza, perfeitamente brancos, a maioria das pessoas acreditam que podem melhorar seu sorriso com dentes mais brancos.
Com o passar do tempo e o consumo de certos alimentos e bebidas, nossos dentes vão incorporando pigmentos.

Eles também vão amarelando com a idade. Há diversas formas de remover com segurança tais manchas, deixando o sorriso mais branco e radiante. Sempre com a supervisão de um dentista.

Estética Bucal

Programa destinado a dar ao paciente um sorriso perfeito através de um tratamento utilizado por diversas personalidades e artistas: porcelanas para os dentes anteriores (os dentes da frente), deixando-os com cor e forma perfeitos. Dependendo do caso, o tratamento pode incluir um ou mais dentes.

Algumas vezes não é possível alcançar a perfeição de um sorriso apenas com o clareamento dental. Isto acontece por basicamente dois motivos:

• Cada arcada dentária possui um nível máximo de clareamento dental, que varia de pessoa para pessoa;
• O clareamento dental não altera forma, tamanho e posicionamento dos dentes, fatores de grande influência na estética dental.

A boa notícia é que estas duas limitações não impedem as pessoas de poderem ter um SORRISO PERFEITO. Através do uso de porcelanas dentais, pode-se proporcionar a perfeição de um sorriso alcançando resultados muito próximos da naturalidade. Veja o exemplo no caso clínico abaixo de um de nossos pacientes. Note que seus dentes superiores possuíam uma grande variação de tamanho, forma e posicionamento, além de estarem afastados um dos outros. Com a utilização de porcelanas dentais nestes dentes foi possível devolver a este paciente uma estética de alto padrão, com um aspecto muito natural, de forma que fica imperceptível que se note a diferença entre o dente natural e a porcelana dental.

Dentes Siso

Os dentes “do siso” são os últimos dentes da arcada dental, são os terceiros molares e os últimos a nascer. Muitas pessoas acreditam que ele deve ser extraído de qualquer forma, mas não. A indicação de extração do siso dá-se pelo mesmo motivo de extrações dentárias de qualquer outro dente, além de:

• Dificuldade de higienização – que resultará em cárie;
• Não possuir o siso antagonista – por exemplo, extraiu ou não nasceu o de baixo, logo, o de cima não precisa estar alí, tendo em vista que não será útil para mastigação.
• Mal posicionamento – existem sisos que nascem “pela metade” ou seja, semi erupcionados. Esses também não servirão para mastigação e a probabilidade de resultar em cárie é muito grande.

Ele é um dente mais difícil de extrair do que os outros, devido ao posicionamento e localização na arcada dentária. Mesmo assim, também é considerada uma cirurgia tranquila quando feita por um profissional capacitado. Dependendo da sua posição na boca, a extração do siso pode levar de 30 minutos à 1 hora, feita sob anestesia local.

O dentista fará recomendações de repouso, medicações individuais e compressas com gazes. Além de outros cuidados individualizados.

Aparelhos Dentários

Uma das formas indispensáveis para se atingir uma completa saúde bucal é colocando os dentes em seus devidos lugares, ou seja, nas posições corretas. Dentes tortos ou mal posicionados acarretam mordida errada, dores na região da face, movimentação indevida dos dentes, desgastes dentais; além de um maior acúmulo de placa devido ao apinhamento dos dental.
Para conseguir movimentar os dentes e levá-los para os posicionamentos ideais, a Odontologia se utiliza dos aparelhos dentários para se aplicar as diversas técnicas disponíveis para movimentar os dentes eficientemente.

Existem diversos tipos de aparelhos dentário, mas podemos destacar alguns abaixo:

• Aparelho metálico: executa a movimentação dental necessária em aproximadamente 2 (dois) anos e seus componentes são metálicos. Esse tempo varia de paciente para paciente, assim como a colaboração dele para o resultado do tratamento. O arco é preso nos componentes metálicos através de borrachinhas.

• Aparelho estéticos: seus componentes são feitos de materiais estético, deixando-os mais discretos. Pode-se destacar o aparelho de porcelana e safira. O arco é preso nos componentes (porcelana ou safira) através de borrachinhas transparentes.

• Aparelho Auto-ligado: é um tipo de aparelho que proporciona a movimentação dental em um tempo menor. Executa a movimentação necessária em cerca de 18 (dezoito) meses. O arco é preso diretamente nos componentes metálicos, sem o uso de borrachinhas. Assim também existem os aparelhos Auto-ligados Estéticos.

• Alinhadores invisíveis: são placas semelhantes às de clareamento dental, fáceis de colocar e retirar, que podem ser utilizadas para realizar pequenas movimentações dentárias, sem a necessidade de uso do aparelho fixo.

Estes alinhadores são indicados nas seguintes situações:

– Pacientes que já usaram aparelho fixo e ainda necessitam de pequenas movimentações para deixar o sorriso mais alinhado.
– Pacientes que tem seus dentes levemente mau posicionados, necessitando apenas de pequenas movimentações para deixar o sorriso mais alinhado.


O tratamento com estes alinhadores invisíveis normalmente é rápido, durante em média 8 meses.

É de extrema importância que o paciente esteja com sua saúde bucal em dia antes do início de um tratamento com aparelho dentário. Como os dentes serão movimentados, eles devem estar completamente saudáveis para que possam ser submetidos à esta movimentação. Cáries, tratamento de canal, limpeza e extrações corretamente indicadas devem ser realizadas antes do início do tratamento com aparelhos dentários.
Outro aspecto muito importante a ser avaliado antes do início deste tratamento é a condição de saúde da gengiva e osso onde os dentes estão inseridos, pois trata-se da base onde os dentes estão inseridos. Esta base deve estar totalmente saudável para suportar a movimentação que os dentes serão submetidos.

O tratamento com aparelho dental pode ser realizado em pacientes de todas as idades.


Implante Dentário

Substitua os espaços vazios em sua arcada dentária deixados pelos dentes extraídos por implantes e dentes novos em porcelana.

Os implantes dentários são definitivamente a melhor solução disponível no mundo odontológico para substituição de dentes perdidos. Quando bem indicados e realizados, eles permitem que o paciente volte a ter seus dentes fixos novamente, muitas vezes de forma até melhor dos que os dentes naturais anteriores, pois é possível escolher forma, estrutura e cor da prótese que virá sob o implante. O dente natural é composto por duas partes: a raiz e a coroa dental.

Os implantes dentários substituem a raiz do dente, ou seja, a base do mesmo. Sob este implante é confeccionada uma prótese, que irá substituir a coroa do dente. Ou seja, os dois juntos (implante + prótese) conseguem substituir por completo um dente perdido, deixando-o com funcionalidade e estética muito próximos dos dentes naturais. Veja na figura abaixo a comparação entre o dente natural e o implante com prótese sob o mesmo:

O procedimento para colocação de implantes é muito simples (muitas vezes durando apenas 30 minutos).

Como o implante é colocado no osso, faz-se necessário que o paciente possua osso suficiente (em altura e espessura) para recebê-lo na região em questão. Caso não tenha osso suficiente, ainda é possível aumentar a quantidade de osso através da colocação de enxertos ósseos, procedimento este realizado também aqui na Elegance.

O BENEFÍCIO QUE O TRATAMENTO COM IMPLANTES TRAZ PARA AS PESSOAS QUE PERDERAM SEUS DENTES É MARAVILHOSO, POIS ELAS PASSAM A PODER VOLTAR A MASTIGAR E SORRIR COM ABSOLUTA TRANQUILIDADE, COMO SE NUNCA TIVESSEM PERDIDO O DENTE NA REGIÃO EM QUESTÃO!

INDICAÇÕES PARA IMPLANTES DENTÁRIOS:

– Falta de um ou mais dentes: é a melhor maneira de se substituir um dente perdido. O resultado final do tratamento fica idêntico a um dente natural.

– Substituição de próteses removíveis para ter dentes fixos na boca: As próteses removíveis podem causar muito desconforto e constrangimento em sua utilização. Muitas vezes elas provocam dor, não encaixam direito na boca e possuem uma estética precária, principalmente quando o grampo metálico da prótese removível fica aparecendo no sorriso. O tratamento com implantes dentários permite que cada novo dente possa ser disposto na arcada dentária de forma individual e na posição ideal, fixo, como se fosse um dente natural. Os implantes também permitem que sejam realizadas próteses fixas de mais elementos sobre eles.

– Utilização de próteses totais fixas: Os implantes dentários permitem que as próteses totais possam ficar fixas na arcada dentária. Este tipo de tratamento é chamado de Protocolo, sendo um tipo de solução protética que muda a vida do paciente, para bem melhor. A prótese total que é fixa sobre os implantes pode ser de resina acrílica ou porcelana. Para a fixação do protocolo, normalmente utilizam-se 4 a 8 implantes variando conforme o caso.

– Utilização de próteses totais do tipo “Overdenture”: Quando o paciente possui pouca quantidade de osso para fixar muitos implantes ou deseja fixar sua prótese total por um preço mais em conta, utilizamos a “Overdenture”, que consegue aumentar significativamente a retenção da prótese total com 2 a 3 implantes.

– Após o uso de aparelhos dentários: Muitas vezes antes de substituir os dentes perdidos, é necessário alinhar os dentes que ainda estão na boca antes da colocação dos implantes dentários. Os dentes podem ser movimentados através do uso de aparelhos dentários, mas os implantes não. Sendo assim, o tratamento de ortodontia (aparelhos dentários) pode ser finalizado deixando os espaços corretos para a posterior colocação dos implantes dentários, na posição certa para devolver um sorriso completo e bem alinhado.
Agende uma consulta conosco para avaliarmos o seu caso e podermos lhe proporcionar este maravilhoso benefício.

Tratamento de Canal

O dente é uma estrutura viva, que possui inervação e circulação, estruturas essas que estão no interior do canal dentário.

Alguns eventos podem levar a morte de um dente, como por exemplo:

• Cárie Dentária
• Traumas
• Choques muito bruscos de temperatura.

Assim que o dente morre, aquele tecido (inervação e circulação) que encontra-se dentro inicia seu processo de decomposição, tornando-se um foco de infecção que pode espalhar para outros dentes da boca e até mesmo de todo o organismo (inclusive o coração).

Para interromper este processo é necessário retirar este tecido morto de dentro do dente, limpá-lo, desinfeccioná-lo e inserir um material que não permita mais a instalação de infecções dentro deste canal, ou seja, tratar este canal.

O tratamento de canal é uma medida que permite continuar utilizando o dente, mesmo ele estando morto. Após finalizado, o dente pode ser restaurado ou ser utilizado como um pilar para a colocação de uma prótese ou mais.

Em boa parte das vezes, este processo que leva à morte do dente causa muita dor e/ou inchaço no rosto, levando o paciente imediatamente a procurar o dentista. Primeiramente é realizada a abertura deste dente e colocação de um curativo, o que normalmente cessa a dor de dente. É neste momento que muitos pacientes acreditam que o problema está resolvido e acabam não completando o tratamento de canal. Porém, caso o tratamento de canal não seja finalizado, o dente pode aumentar seu grau de infecção, voltar a doer e espalhar esta infecção para outras estruturas do corpo.

É comum que alguns pacientes entendam que o tratamento de canal está finalizado após esta primeira etapa de abertura do dente e colocação de curativo. O dente só está com o tratamento de canal finalizado quando os canais estão repletos com um material que não permite mais a instalação de infecções.

Muitas vezes o dente está morto, sem tratamento de canal e não apresenta nenhuma sintomatologia de dor. Nestes casos, o tratamento de canal se faz necessário, pois mesmo sem estar doendo, o dente está morto e com muita infecção, o que pode levar silenciosamente a um abcesso dentário e às outras consequências já descritas aqui.

Outro sintoma que pode indicar que o dente está morto e necessita de tratamento de canal é quando aparece algum ponto de pus na gengiva, que é proveniente do canal dentário do dente mais próximo.

Lentes de Contato

Esse tipo de tratamento serve para correções estéticas dentárias, fechamento de diastemas (espaços), aumento dentário e harmonização do sorriso. Para chegar em um resultado satisfatório, é necessário: indicação criteriosa, bom planejamento e execução.

O Doutor realiza fotografias do sorriso e do rosto do paciente para poder fazer um planejamento adequado baseado no que o paciente necessita e deseja.

É realizado um enceramento, feito laboratorialmente e provado no paciente, tecnicamente chamado de mock up. O paciente consegue ver o formato do dente, antes mesmo de qualquer intervenção

Geralmente é necessário mínimo desgaste para podermos encaixar a peça(lente de contato) ao dente. Alguns casos não são necessário desgastes.

Peças confeccionadas laboratorialmente e individuais para cada paciente e cada dente.

Possuem grande durabilidade e são super resistentes. Porém deve-se ter bons cuidados assim como com dentes naturais quebram, uma peça de porcelana também quebra. Sabemos que cada ser humano é único e necessita de um planejamento individualizado. Portanto, para saber mais sobre seu planejamento e orçamento é necessário uma consulta presencial.

Clareamento Dental

Dentes mais brancos rejuvenescem o rosto e aumentam sua auto-estima, proporcionando a sensação de ascensão social. Por ter tantas características desejáveis, o tratamento chamado Clareamento dental é o preferido dos consultórios odontológicos. Mas para chegar lá, é necessário consultar um dentista. O profissional irá lhe apresentar todas as técnicas utilizadas, riscos e limitações dos resultados.

Basicamente o clareamento pode ser realizado de duas formas:

Caseiro: o dentista confecciona placas sob medida para o paciente e lhe entrega géis de acordo com suas necessidades individuais + orientações e retornos de controle.

Em consultório: realizado pelo próprio cirurgião dentista, que pode ou não utilizar o laser para aceleração da absorção do gel e menor sensibilidade.
Também pode ser indicada a associação das duas técnicas para melhores resultados.

A diferença entre as duas formas está no tempo, disposição do paciente e fatores individuais. O clareamento em consultório costuma ser mais rápido, além disso alguns não se adaptam ao tratamento caseiro. Por isso, é essencial fazer uma consulta para saber o que é melhor para você.

Próteses Removíveis

As próteses dentárias removíveis são consideradas antigas e muito conhecidas. Existem as próteses totais, as quais recompõem todos os dentes (popularmente chamadas de Dentaduras) e as Próteses parciais removíveis, que recompõem perdas parciais dentárias.

As próteses removíveis são suportadas pela mucosa e/ou remanescente, ou seja, osso e gengiva. Atualmente existe uma grande variedade de dentes artificiais que podem ser utilizados para a confecção dando um aspecto de naturalidade para o sorriso, além da gengiva que pode ser caracterizada e o palato (céu da boca) incolor.

Esse tipo de prótese, assim como as outras, é feito sob medida para cada paciente a partir de moldagens e consultas de prova, visando a plena adaptação.
Depois de pronta, faz-se necessário reconsultas a fim de ajustar possíveis incômodos, e um período de adaptação, pois o paciente tende a ter que reaprender a se alimentar, iniciando por alimentos mais macios até voltar a alimentar-se normalmente.

Quanto a higiene bucal, a prótese dentária necessita de higienização diária e eficaz, além da própria mucosa, a qual é indicada massagear e realizar bochechos para mantê-la limpa e livre de doenças bucais.

Coroas Fixas Em Porcelana

As coroas em cerâmica, mais chamadas de coroas de porcelana, são próteses fixas dentárias cimentadas sobre o dente, sobre o núcleo de preenchimento ou até mesmo sobre implantes dentários.

Podem ser indicadas para: reconstrução de um dente que tenha sofrido uma grande destruição coronal, pós tratamento de canal, pós implante dentário e restauração de dente fraturado.

Em relação a durabilidade dessas peças, é muito provável que durem pelo menos 10 anos, podendo durar o resto da vida. Além da habilidade do dentista e do técnico em prótese dentária para confecção da peça e garantia do sucesso do tratamento, é fundamental que o paciente possua uma boa higiene bucal, pois a coroa pode perder seu apoio se o dente ou osso que a sustenta for danificado por doenças gengivais e isso é de total responsabilidade do paciente.

Fazendo consultas de controle e profilaxia periódicas com seu dentista a cada 6 meses, ele poderá fazer o acompanhamento e prevenir danos na sua coroa e nos seus dentes.

Preenchimento Orofacial

O ácido hialurônico é uma substância já presente no organismo humano, contudo, no processo de envelhecimento sua concentração diminui. Por isso, o preenchimento orofacial é indicado para dar mais viço a pele, suavizar rugas indesejadas e reduzir marcas de expressão.

Toxina Botulínica

RESOLUÇÃO Nº 176, DE 6 DE SETEMBRO DE 2016: Autoriza os cirurgiões-dentistas a utilizar a toxina botulínica e os preenchedores faciais para fins terapêuticos funcionais e/ou estéticos.

A Odontologia atual tem abordagem multidisciplinar onde diversas especialidades se integram em um tratamento que engloba harmonia na relação entre elementos dentários, bases ósseas e musculatura facial. Os tratamentos envolvendo toxina botulínica, preenchedores orofaciais e atualmente o ácido deoxicólico tem sido utilizado para harmonização da face em clínicas odontológicas.

Comumente chamada de Botox, é utilizada para disfunções e dores na articulação temporo mandibular, sorriso gengival, dores de cabeça de origem dentária, bruxismo e por razões estéticas.

Frenectomia

É uma pequena cirurgia bucal que consiste em remover o freio lingual (localizado embaixo da língua) ou labial (localizado entre os incisivos centrais) do paciente.

As indicações para esse procedimento são:

Correção ortodôntica;
Alteração na fonética do paciente; (“língua presa”)
Motivos estéticos;
Para adaptação de próteses dentárias.
É uma cirurgia bastante simples, realizada sob anestesia local e que não implica em alguma sintomatologia relevante, porém o paciente deve seguir as recomendações que o seu dentista indicar, como alimentação líquida e pastosa nos primeiros dias, cuidados com a higiene bucal e tomar a medicação prescrita corretamente.

Protocolo Dental

Programa para quem quer abandonar a dentadura móvel. Este tratamento envolve a utilização de implantes para a fixação das próteses totais (dentaduras), devolvendo ao paciente estética, conforto e estabilidade ao mastigar alimentos.

Um dos problemas bucais que mais incomoda as pessoas é o uso de dentaduras móveis tradicionais na ausência total dos dentes. Os pacientes relatam inúmeros problemas quanto ao uso das mesmas, como:

• Dificuldade para mastigar os alimentos, devido a fraca fixação da dentadura na boca;
• Necessidade de cautela para falar e rir com tranquilidade, por medo de que a dentadura possa “saltar” da boca e assim causar constrangimentos;
• Desconforto na boca pelo grande tamanho que possui a dentadura e pela grande área que a mesma ocupa no “céu da boca”;
• Dificuldade em estabilizar e fixar a dentadura na boca, principalmente na parte inferior.

No intuito de solucionar de uma vez por todos estes problemas, apresentamos como solução a fixação destas próteses totais com implantes, tratamento este também conhecido pelo nome de PROTOCOLO.

Através da colocação de 5 ou mais implantes na maxila (superior) e/ou mandíbula (inferior), é possível fixar definitivamente a prótese total na boca, eliminando completamente todos os problemas decorrentes do uso das dentaduras móveis tradicionais.

Este é um tratamento que definitivamente muda a vida do paciente, pois ele volta a ter seus dentes novamente, podendo utilizá-los da mesma maneira que utilizava seus dentes naturais, sem nenhuma limitação. Ou seja, este tratamento dá ao paciente um SORRISO NOVO!

• São inúmeras as vantagens declaradas pelos pacientes que realizam este tipo de tratamento, como:
• Liberdade total para mastigar qualquer tipo de alimento;
• Liberdade total para falar, rir e se expressar sem aquela preocupação de “desprender” a prótese da boca e passar por constrangimentos;
• Conforto máximo na utilização das mesmas, devido ao fato desta a prótese total não necessitar ocupar o céu da boca e não ficar se mexendo dentro da boca;
• Perfeita estabilização e fixação das próteses totais inferiores, pois as mesmas são fixas através dos implantes, eliminando aquele antigo problema de não conseguir fixá-las e estabilizá-las devidamente.

Em muitos casos é possível instalar a prótese total imediatamente após a colocação dos implantes, ou seja, em apenas UMA CONSULTA o paciente pode já sair com seus novos dentes instalados.
Além de todas estas vantagens, este tratamento é o único que permite que sejam utilizadas próteses em porcelana na confecção da prótese total, possibilitando atingir um alto nível estético muito próximo dos dentes naturais.

Após concluído, este tipo de tratamento é bastante duradouro, necessitando apenas de manutenções periódicas que serão definidas pelo dentista, de acordo com cada caso.

Extração Dentária

A extração dentária atualmente é o último dos recursos, graças a Odontologia moderna. Sempre preferimos manter e tratar o elemento dentário à extraí-lo. Porém, em alguns casos, não há como escapar e a extração do dente é indicada. Por exemplo:

• Em casos de cárie dentária muito extensa, onde o tratamento de canal não é mais viável;
• Acidentes que resultam em fraturas dentárias sem solução;
• Para tratamento Ortodôntico, onde apenas o cirurgião dentista Ortodontista poderá solicitar a extração de algum elemento;
• Perda de sustentação do dente por doença periodontal (periodontite avançada);

Para realizar esse procedimento, é necessário que o dentista examine clinicamente e radiograficamente o elemento em questão, a fim de estar seguro e prevenir-se de surpresas na hora da cirurgia.

A extração dentária é feita sob anestesia local e costuma ser um procedimento muito tranquilo onde a recuperação varia de paciente para paciente, porém em torno de 3 à 7 dias é quase completa quando o paciente segue as orientações pós operatórias feitas pelo seu dentista, como utilização de compressas de gelo, higienização, repouso e utilização de medicações prescritas individualmente.

Porcelanas Dentais

Programa destinado a dar ao paciente um sorriso perfeito através de um tratamento utilizado por diversas personalidades e artistas: porcelanas para os dentes anteriores (os dentes da frente), deixando-os com cor e forma perfeitos. Dependendo do caso, o tratamento pode incluir um ou mais dentes.

Algumas vezes não é possível alcançar a perfeição de um sorriso apenas com o clareamento dental. Isto acontece por basicamente dois motivos:

A boa notícia é que estas duas limitações não impedem as pessoas de poderem ter um SORRISO PERFEITO. Através do uso de porcelanas dentais, pode-se proporcionar a perfeição de um sorriso alcançando resultados muito próximos da naturalidade. Veja o exemplo no caso clínico abaixo de um de nossos pacientes. Note que seus dentes superiores possuíam uma grande variação de tamanho, forma e posicionamento, além de estarem afastados um dos outros.

Com a utilização de porcelanas dentais nestes dentes foi possível devolver a este paciente uma estética de alto padrão, com um aspecto muito natural, de forma que fica imperceptível que se note a diferença entre o dente natural e a porcelana dental.

Bichectomia

A Odontologia executa diversos procedimentos capazes de deixar o rosto das pessoas bem mais bonito esteticamente. Um destes procedimentos é a Bichectomia, que consiste na redução das bochechas ou afinamento do rosto.

Todas as pessoas possuem uma “bola” de gordura localizada nas bochechas chamada “bola de bichar”. Na infância, ela é importante nos movimentos de sucção, para mamar. Após esta fase, a estrutura perde a função, não tendo problema nenhum retirá-la.

O procedimento é simples, envolvendo cortes de apenas 0,5 cm na bochecha, durando cerca de 40 minutos apenas. O resultado é o afinamento do rosto, evidenciando as “maçãs do rosto”, algo que deixa o rosto muito mais lindo e harmônico.

Diversos artistas da TV optaram por realizar este procedimento, algo que está ficando muito popular no mundo das celebridades.